Montserrat | Catalunha – Espanha


img01Sempre incluímos em nossas viagens algum roteiro religioso, seja por interesse pessoal ou por recomendação cultural. Desta vez, um dos nossos destinos era o mosteiro de Montserrat, na Catalunha. O mosteiro fundado em 1205 foi arrasado por Napoleão e reconstruído em 1858. Assim como em outros roteiros Marianos, o Santuário de Montserrat é administrado por uma congregação de monges beneditinos que também cultua uma virgem negra, a Moreneta, muito parecida com a Virgem de Rocamadour, outro mosteiro fabuloso na França. Em dias sem nuvens, desde a montanha de Montserrat com seus 1.236m de altura, é possível ver os Pirineus, o Tibidabo e até Mallorca!

img02Apesar de ser possível chegar à Montserrat de carro, a viagem mais bonita é feita de trem e fica mais bonita ainda, quando combina um trem e uma ascensão em cremalheira ou em teleférico. O funicular, que parte do mosteiro, permite visitar diferentes partes da montanha, com vistas maravilhosas e trilhas muito legais para quem gosta de caminhar. São dois trajetos:
– De Barcelona até a cidadezinha de Monistrol de Montserrat, de trem.
– De Monistrol até o Mosteiro, a viagem pode ser feita com o trem cremalheira ou com o teleférico.

De Barcelona até Monistrol de Montserrat é preciso pegar um trem da linha regional, o R5, que tem como ponto de partida a estação da Plaza Espanya. O trajeto até Monistrol dura cerca de uma hora. Na estação, há uma cabine de informações, onde se podem obter todas as orientações e conhecer as diversas opções para viajar até Montserrat. É possível comprar as passagens nas máquinas de venda automática, porém, são tantas as opções de atividades e passagens combinadas que é melhor receber orientações mais detalhadas.
Existem duas alternativas diferentes e espetaculares para subir até o Monastério. São operadas por empresas diferentes, por isto, só é possível subir no trem cremalheira e descer de teleférico, ou vice-versa, se as passagens forem compradas separadamente.

img03
O Cremallera de Montserrat é operado pela FGC, os trens da Catalunha, a mesma empresa que opera o trem que faz Barcelona-Monistrol de Montserrat. Por essa razão, os horários do trem e do cremalheira estão muito bem sincronizados. O cremalheira sobe pela encosta da montanha e tem um percurso de 15 minutos, com lindas vistas de Montserrat. Usa trens muito modernos com grandes janelas que facilitam a contemplação da paisagem. Esta foi nossa opção, e temos uma dica: sente do lado esquerdo do trem na subida e do lado direito na descida para apreciar a paisagem. Tanto na subida como na descida, o trem faz uma parada rápida na estação de Monistrol Vila.

Ao chegar no trem vindo de Barcelona, na estação Monistrol de Montserrat, o cremalheira já está na mesma plataforma. Cuidado apenas para não descer na estação Montserrat-Aeri, que fica uma estação antes da Monistrol de Montserrat e que serve apenas para quem for subir de teleférico até Montserrat.

Quando chegar à estação superior, confira no cartaz os horários de descida. Há trens descendo a cada 20 minutos, mas a maioria não chega até a estação do trem que leva para Barcelona (ficam na estação de Monistrol Vila).

A combinação de Trem + Cremalheira (ou teleférico) + Funicular custa 30 Euros

img04
O Aeri de Montserrat é um teleférico operado por uma empresa privada. As cabines transportam até 20 passageiros em pé, subindo em 5 minutos até o mosteiro. As vistas são tão bonitas quanto às do trem cremalheira, mas não serve para quem tem vertigem ou medo de altura. Tanto o trem cremalheira como o aeri deixam o visitante no coração de Montserrat; as estações de ambos os transportes são próximas.

img05
O acesso à imagem da virgem é feito pela nave lateral direita da igreja, a partir do pátio localizado em frente à basílica, a entrada é feita pela porta da direita. Como fomos na alta temporada do verão, havia uma longa fila para chegar até o altar, mas o caminho vale a pena, porque permite admirar e fotografar detalhes no interior da basílica.

O segundo ponto de interesse, dentro da basílica, é a apresentação da Escolania de Montserrat, um dos coros mais antigos da Europa (sua existência data do século XIV), formado só por vozes de meninos. De segunda a sexta, às 13h, a Escolania entoa o Salve e o Virolai, um hino dedicado a Virgem de Montserrat, que é um símbolo espiritual e patriótico da Catalunha. Nos dias de grande movimento de turistas pode ser difícil conseguir entrar na basílica para ouvir a Escolania. 

Atenção mulheres! Não permitem a entrada de shorts ou minissaias.

img06
É uma subida espetacular, um dos passeios imperdíveis em Montserrat. O funicular foi inaugurado em 1918 e liga o mosteiro à ermita de Sant Joan. Na estação superior do funicular, as vistas do mosteiro e da montanha de Montserrat são fantásticas. As enormes rochas assumem diferentes formas, dependendo da sua imaginação. Dentro da estação superior do funicular há um pequeno centro de interpretação, que permite conhecer um pouco mais sobre Montserrat. Vale a pena dar uma olhada.

img07Comida

Em Montserrat, é possível encontrar diferentes opções de alimentação. Se o dia estiver bom e o visitante quiser fazer um pic-nic nas alturas, é possível levar sua própria comida e bebida e utilizar o terraço com mesas ao ar livre. No complexo do mosteiro há um pequeno mercadinho, onde também dá para se abastecer de comes e bebes. Há também um restaurante self-service, que fica próximo do terraço e que oferece lindas vistas.

Agora, se quiser experimentar a culinária local, o lugar é o restaurante Abat Cisneros, ao lado da basílica. Ali pode-se escolher entre cardápios com preço fechado e comida à la carte.

O passe “all inclusive” do lugar é o Tot Montserrat com: metrô + trem + teleférico ou cremallera + espaço audiovisual + museu + comida típica catalã em restaurante estilo Buffet custa 43,70€

Entre no site Barcelona Turisme, para ver as opções!

08

 

Compartilhe!

Tweet this! Reddit Digg This! Bookmark on Delicious Pin it Share on Facebook

Deixe uma resposta

*

O seu email não será publicado.Preenchimento obrigatório*

*